O anjo literário

by outrasluzes

anjo.jpg

Acabei de ler O anjo literário de Enrique Vila-Matas, perdón, de Eduardo Halfon.

Foi precisamente o que pensei, após a conclusão da leitura deste escritor guatemalteco, onde predomina um estilo muito ao jeito de Bartleby & Companhia do escritor catalão. O anjo literário é uma descrição muito centrada no nascimento de Halfon como escritor, usando fragmentos da vida literária de escritores que ele admira, em que se inspira. Um registo que pisca o olho ao diário, ao ensaio e ao romance. Sendo eu um admirador do estilo de Enrique Vila-Matas, e depois de ter lido Bartleby & Companhia, O Mal de Montano e Doutor Pasavento, não me consegui descolar, a não ser por instantes breves, da escrita de Vila-Matas. Mas O anjo literário tem outros méritos. É uma escrita simples, muito didáctica, uma escrita que parece usar apenas a linguagem necessária, que vai escorrendo como gotas de água numa verde folha. Voltarei a ler este livro, mais tarde, pois parece-me haver algo que ainda tenho que descobrir em Halfon. Enrique, Halfon, Eduardo, Vila-Matas.

Editora: Cavalo de Ferro
Tradutor: Sofia Castro Rodrigues e Virgílio Tenreiro Viseu
Género: Romance
128 Páginas
ISBN: 978-989-623-075-3

Leia o que diz o blogue 1979 sobre a obra.

Anúncios